Sem Categoria

Comunicação das Leituras da Água 720 960 Junta de Freguesia da Conceição

Comunicação das Leituras da Água

Comunicação das leituras da água, além do método já conhecido, via telefone, agora também poderá ser efetuado através do app MyAngra

Entrega de Cabazes de Natal 300 401 Junta de Freguesia da Conceição

Entrega de Cabazes de Natal

Mantendo a tradição, a Junta de Freguesia de Nossa Senhora da Conceição procedeu, na passada sexta-feira, dia 18, à distribuição de 70 cabazes de Natal a famílias carenciadas da freguesia.

A Junta de Freguesia agradece a todas as pessoas e entidades que, de forma direta ou indireta, contribuíram para a confeção dos referidos cabazes.

Aproveitamos a oportunidade para desejar a toda a população votos de um Santo e Feliz Natal e um ano de 2021 pleno de realizações pessoais e profissionais.

 

O Presidente

Paulo Jorge Silva

Novas Medidas de Trânsito 150 150 Junta de Freguesia da Conceição

Novas Medidas de Trânsito

Segue as novas medidas de trânsito no Edital abaixo

Edital

Unidade Móvel do Centro de Atendimento Integrado para janeiro de 2021 725 1024 Junta de Freguesia da Conceição

Unidade Móvel do Centro de Atendimento Integrado para janeiro de 2021

Celebrações Nacionais do Dia Olímpico de 2019 em Angra do Heroísmo 150 150 Junta de Freguesia da Conceição

Celebrações Nacionais do Dia Olímpico de 2019 em Angra do Heroísmo

Citius, Altius, Fortius – este é o lema olímpico em latim que significa “mais rápido, mais alto, mais forte”.

A 23 de junho Angra do Heroísmo será o palco das comemorações nacionais do Dia Olímpico, uma iniciativa anual que remonta a 1948 e a que Portugal aderiu desde a primeira hora, tendo sido um dos nove países a fazê-lo desde o seu arranque, através do Comité Olímpico de Portugal (COP).

A Celebração do Dia Olímpico não se destina apenas a celebrar aquele que é, sem dúvida, o maior, mais diversificado e mais participado acontecimento desportivo à escala planetária, onde os atletas buscam a superação física, emocional e desportiva, mas também o espírito, os ideais e os valores do Olimpismo que acrescentam à Excelência, a Amizade e o Respeito.

Todo o imaginário envolvente aos Jogos Olímpicos remete-nos, na verdade, não só aos extraordinários feitos desportivos, em que se assinalam novos recordes em todas as modalidades, mas também o forte simbolismo humanitário dos Jogos da nova era, pós II Guerra Mundial, bem patentes nos vários símbolos Olímpicos desde os Anéis Olímpicos, que constam da sua bandeira, representando a união dos cinco continentes e o encontro de atletas do mundo inteiro nos Jogos Olímpicos, passando pelo seu Hino, até à Chama Olímpica, que anuncia os Jogos Olímpicos e transmite uma mensagem de paz e amizade entre os povos.

São estes os valores e ideais que o Município quer ver os jovens angrenses a abraçar e que motivou a candidatura apresentada ao COP para que a celebração nacional se realizasse na primeira cidade património mundial de Portugal, candidatura essa que mereceu a aprovação daquele organismo. Uma candidatura em que realçou o facto de Angra do Heroísmo ser um dos municípios com maior taxa federativa do país e um dos primeiros a ser reconhecido com o galardão de Município Amigo do Desporto.

Em declarações, o Presidente do Comité Olímpico de Portugal, Dr. José Manuel Constantino, destacou “Escolher Angra do Heroísmo e a Região Autónoma dos Açores para palco das comemorações oficiais do Dia Olímpico em 2019 é homenagear uma parte do território nacional que tem sido um contributo inestimável para o desenvolvimento desportivo de Portugal”.

As comemorações terão início na primeira quinzena de maio, com atividades lúdicas e desportivas para experimentação de diversas modalidades, que serão levadas nas Escolas Básicas e Secundárias de Angra do Heroísmo. Do programa constam ainda palestras e diversos eventos sociais, pedagógicos e desportivos de que se destaca a Corrida Olímpica que terá lugar a 25 de maio, com início pelas 15:00 horas, no centro histórico de Angra. O programa culminará com a celebração do mítico dia 23 de junho, o Dia Olímpico, por excelência, cujas comemorações terão lugar na Praça Velha. Os vários eventos comemorativos são apresentados no programa em anexo.

“É para nós, motivo de enorme regozijo e satisfação, mas principalmente uma grande honra, que Angra do Heroísmo seja, este ano, a cidade portuguesa onde se assinalará o Dia Olímpico. O fato da celebração do Dia Olímpico ter lugar em plenas Sanjoaninas eleva ainda mais a responsabilidade e o orgulho com que queremos dignificar e promover os ideais olímpicos não só com os angrenses, mas com todos os que nos visitam durante as nossas festas maiores” – disse, a propósito, o Vereador Guido Teles.

Um evento de extraordinária importância que Município de Angra do Heroísmo se congratula de ser anfitrião, para o qual contará também com o inestimável apoio do Comité Olímpico de Portugal e da Direção Regional do Desporto, esperando que o mesmo deixe sementes nos nossos jovens e que inspire toda a população para uma vida mais sã, em corpo, mente e dimensão humana, para a construção de uma sociedade que aspire sempre a ser sempre Mais Rápida, Mais Alta, Mais Forte, mas também Mais Solidária.

PROGRAMA
CELEBRAÇÕES DO DIA OLÍMPICO NACIONAL EM ANGRA DO HEROÍSMO
Ideais Olímpicos na Escola (13 a 15 de maio) » Angra do Heroísmo

Dinamização de uma atividade lúdico desportiva para experimentação de todos os alunos, dinamizada pelos técnicos municipais e alunos dos cursos técnico profissionais. No final de cada atividade prática, nos pavilhões desportivos das escolas, um ou mais atletas olímpicos realizam uma pequena palestra sobre as suas vivências olímpicas e seu percurso de vida até atingir este patamar. Um membro do COP realiza uma pequena palestra sobre o olimpismo, seus símbolos e ideais.

Gala do Desporto Açoriano (14 de maio) » Centro Cultural de Angra do Heroísmo

A Gala do Desporto Açoriano remonta na sua 1a edição ao ano de 2002, realizando-se este ano a sua XVIII edição. São grandes objetivos assumidos desde o início “Homenagear e distinguir os agentes desportivos, as entidades do desporto escolar e as entidades do associativismo desportivo, que se notabilizaram ao longo do ano anterior (neste caso ano de 2018) através dos resultados e classificações alcançados bem como pelo contributo que deram ao desenvolvimento desportivo regional, através do trabalho desenvolvido”.

Palestra “Ideais Olímpicos” (15 de maio) » Salão Nobre dos Paços do Concelho

Palestra aberta ao público (agentes desportivos e não desportivos) coma intervenção de um ou mais membros do COP e atletas olímpicos presentes na atividade “Ideais Olímpicos na Escola”. O Salão Nobre dos Paços do Concelho tem sido um local de eleição para diversos debates, apresentações e conferências ao longo de todo o ano.

“Corrida Olímpica” (25 de maio) » Centro Histórico de Angra do Heroísmo

Corrida de atletismo, com caminhada integrada, destinada às diversas faixas etárias, com vista a assinalar as comemorações do “Dia Olímpico”.

Formação geral, creditada, para Treinadores Desportivos (25 e 26 de maio) » Centro Cultural e de Congressos de Angra do Heroísmo

Ação de formação creditada de caráter geral e acesso gratuito destinada a todos os treinadores desportivos. Um dos conferencistas e temática será direcionada para o olimpismo.

Encontro de Escolinhas – “Dia Olímpico” (8 de junho) » Complexo Desportivo João Paulo II

vento desportivo caracterizado por inúmeras estações de atividade desportiva onde todos os presentes poderão assistir a diversas demonstrações bem como experienciar as diversas modalidades desportivas. As estações são dinamizadas pelas diversas coletividades da Ilha Terceira.

Destina-se a todas as faixas etárias, caracterizando-se como um evento familiar. Um atleta olímpico apadrinhará o evento com a sua presença.

Inauguração do Parque de Estações de Destreza e Coordenação Motora (8 de junho) » Complexo Desportivo João Paulo II

Iniciativa do Serviço de Desporto da Terceira com a presença do Professor Carlos Neto, no decurso do Encontro de Escolinhas. Palestra (8 de junho) » Salão Nobre dos Paços do Concelho Palestra aberta ao público (agentes desportivos e não desportivos) proferida pelo Prof. Carlos Neto, sobre a importância da Atividade Física e Desporto no desenvolvimento das crianças e jovens.

Comemoração Oficial do “Dia Olímpico” (23 de junho) » Praça Velha (Centro Histórico de Angra do Heroísmo)

Comemoração ocorrerá em plenas Sanjoaninas 2019, momento em que existem milhares de visitantes em Angra do Heroísmo.

Neste dia, far-se-á o hasteamento da Bandeira Olímpica e Hino Olímpico.

“Desfile Olímpico” (26 de junho) » Rua da Sé e Praça Velha (Centro Histórico de Angra do Heroísmo)

O desfile desportivo das Sanjoaninas terá como temática o “Olimpismo”. Neste desfilarão todas as coletividades desportivas do Município de Angra do Heroísmo.

Concurso de desenho intitulado “Ideais Olímpicos” (1 de abril a 31 de maio) » Angra do Heroísmo

Concurso destinado a todas as escolas do concelho de Angra do Heroísmo do 1o ciclo do Ensino Básico.
Projeto culminará com a exposição dos melhores desenhos.

“Programa de educação Olímpica” (1 de abril a 31 de maio) » Angra do Heroísmo

Com os alunos dos cursos técnicos profissionais de Desporto, técnicos do Município e técnicos do Serviço de Desporto da Terceira, dinamizar-se-á uma sessão por escola do “Programa de Educação Olímpica” (apresentação standard) com o objetivo de sensibilização para a adesão à respetiva iniciativa/projeto nos anos letivos futuros.

* O presente programa poderá sofrer alguns ajustes.

Entrevista ao Presidente da Junta da Conceição, Paulo Jorge Silva 689 1024 Junta de Freguesia da Conceição

Entrevista ao Presidente da Junta da Conceição, Paulo Jorge Silva

“Fazer a diferença na vida das pessoas”.
Publicado a 8 de março de 2019 no jornal Diário Insular.

IRS 2019 – prazo de 1 de abril a 30 de junho, para o mod.3 2018. Fisco reúne tudo o que precisa saber num documento informativo. 300 401 Junta de Freguesia da Conceição

IRS 2019 – prazo de 1 de abril a 30 de junho, para o mod.3 2018. Fisco reúne tudo o que precisa saber num documento informativo.

Ruas da Conceição com novas placas toponímicas 150 150 Junta de Freguesia da Conceição

Ruas da Conceição com novas placas toponímicas

Discover our gallery

Placas toponímicas desvendam história da freguesia da Conceição 300 225 Junta de Freguesia da Conceição

Placas toponímicas desvendam história da freguesia da Conceição

Junta da Conceição vai colocar placas toponímicas com dados sobre as ruas da freguesia. Projeto pretende informar melhor turistas e locais.
 
Os arruamentos da freguesia da Conceição vão passar a estar identificados com placas toponímicas que contêm não só o nome da rua, mas também informação sobre o seu percurso histórico. O projeto está a ser trabalhado há cerca de um ano pela Junta de Freguesia. Alguns dos azulejos vão ser colocados esta semana.
 
“Com a colaboração dos doutores Jácome Bruges e Maduro-Dias que nos deram algumas luzes sobre a história das nossas ruas”, avançou Paulo Silva, autarca local.
 
O que se pretende, avançou, é garantir que quer os locais, quer os turistas, tenham uma melhor perceção do espaço que os rodeia.
 
É o caso da Rua dos Italianos – uma homenagem aos vários italianos que ali viveram no século XVI – ou do Adro Santo, onde primeiro foi erguida a Ermida de São Pedro Gonçalves, hoje com nova localização e conhecida por Nossa Senhora da Boa Viagem. Nesta placa, aliás, podem ler-se duas datas: 1480, data da primeira construção, e 1934, data em que um grupo de pessoas decidiu mudar a localização da pequena ermida, por considerar que a antiga – construída junto à escarpa – corria o risco de ruir.
 
Outras ruas vão, entretanto, ser também identificadas. Rua Baixinha (antes com nomes como Rua das Escadinhas, Rua do Corpo Santo ou Rua das Alcaçarias), Rua do Conselheiro Monjardino, Rua e Largo do Cantagalo e Porto de Pipas são algumas delas.
 
Toda notícia publicada no passado dia 19 de janeiro e que dava conta das críticas à colocação de uma placa informativa no final da Rua Pêro Anes do Canto, num miradouro para observação da baía de Angra.
 
Fontes de DI consideraram que para além de ser um obstáculo à fruição da paisagem, a placa não disponibilizava informação completa. Em falta estão, por exemplo, dados sobre a antiga Ermida de São Pedro Gonçalves.
 
De acordo com o presidente da Junta de Freguesia, a autarquia local não teve conhecimento da colocação do painel. A estrutura, entende, “não está no lugar ideal”.
 
Quanto à informação em falta, Paulo Silva diz que fica resolvida com a placa toponímica que agora vai ser ali colocada.
 
Fonte: Diário Insular
Quarta-Feira, dia 23 de Janeiro de 2019

    Join our Newsletter

    We'll send you newsletters with news, tips & tricks. No spams here.

      Contact Us

      We'll send you newsletters with news, tips & tricks. No spams here.